quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Valsa

Não me beijaste devagar. A urgência faz parte do que já se espera, a saudade é mais lenta, quer esticar o momento dividi-lo em segundos, parti-lo em partes tão ínfimas e tão importantes que o tempo que durou é imenso. Não me beijaste devagar esmagaste-me antes os lábios como se me dissesses assim coisas. As que eu não queria ouvir. Devias ter-me beijado mais devagar a valsa é uma dança lenta porque quer dizer coisas pequenas e grandes. Decidiste rodopiar comigo numa batida que de tão rápida quase me fez doer a lembrança. O amor é devagar, eu agora sei. E menos, não, muito obrigada.

2 comentários:

  1. É verdade. O amor não tem pressa de chegar, porque já é tudo. Mas a saudade pode trazer urgência... Mas estou contigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Maria :) devagar... mais devagar. Tu sabes!

      Eliminar